sexta-feira, 17 de fevereiro de 2012

Turismo no Brasil 2011 - 2014 X Programa Sectorial de Turismo 2007- 2012 do México


A seguir apresentaremos uma análise superficial entre os planos de turismo dos países México e Brasil. A comparação tem o objetivo de verificar quais são os temas abordados no planejamento turístico dessas nações. Ainda, pretendemos verificar referências metodológicas utilizadas na elaboração dos planos.

O plano do Brasil - Turismo no Brasil 2011 x 2014 - elencou oito Eixos Temáticos para enquadrar seus objetivos e propor melhorias são estes: Planejamento e Gestão, Informação, Estruturação da Oferta Turística, Fomento, Qualificação, Infraestrutura, Logística de Transportes, Promoção e Apoio à Comercialização.

No México, a Sectur descreveu no - Programa Sectorial de Turismo 2007-2012 - também oito objetivos setoriais para cumprir os objetivos e estratégias nacionais:
“1. De concurrencia de políticas públicas
2. De desarrollo regional
3. De concurrencia legal y normativa
4. De oferta competitiva
5. De empleo de calidad
6. De fomento productivo
7. De promoción y comercialización integrada
8. De demanda turística doméstica e internacional” ¹

As metodologias utilizadas nos planos turísticos é o grande diferencial para que o planejamento tenha sucesso. Infelizmente no Plano do Brasil a metodologia utilizada não é clara quanto a fatores numéricos, ficando vago qual o patamar que turismo brasileiro quer atingir. Nas Proposições por eixos temos um exemplo: item 3.2 INFORMAÇÃO, sub - item 3.2.1 Estatística - • Aprimorar e ampliar o sistema nacional de informações sobre o Turismo. ²

Vejamos no caso México, fica evidente no plano o rumo a ser tomado, qual a posição que o turismo nacional pretende atingir. Nota-se que no plano existe: 1- Indicador, 2- Situação Atual e 3- Meta 2012.Segue o exemplo: 1-Gasto Médio do Turista Internacional, 2- $ 447 Dólares Ano 2006 e 3- $ 472 Ano 2012.

Por fim, notamos que existe uma enorme diferença em prever, planejar, projetar quando não existe algum modo de mensurar as metas. A maioria dos planos necessita de referenciais concretos para que estratégias sejam seguidas, objetivos criados e metas atingidas.


     

Nenhum comentário: