quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Turismo Religioso no Brasil – Natal


A proximidade do natal é uma oportunidade para a prática do Turismo Religioso. Para o Ministério do Turismo este tipo de turismo encontra-se vinculado ao turismo cultural conceituado: “Turismo Cultural compreende as atividades turísticas relacionadas à vivência do conjunto de elementos significativos do patrimônio histórico e cultural e dos eventos culturais, valorizando e promovendo os bens materiais e imateriais da cultura”. (Marcos Conceituais – MTur)

Além disso, outros recortes como turismo cívico, religioso, místico/esotérico e étnico também são considerados segmentos específicos do Turismo Cultural, o que gera amplas oportunidades para desenvolver roteiros adaptados a diversos gostos e necessidades, tanto do turista nacional quanto do estrangeiro¹.


No manual de segmentação do MTur ² a definição  do  Turismo Religioso configura-se: “ pelas atividades turísticas decorrentes da busca espiritual e da prática religiosa em espaços e eventos relacionados às religiões institucionalizadas, independentemente da origem étnica ou do credo.” No documento está publicado os números da prática do turismo religioso no Brasil no ano de 2001, em torno de 11 milhões de viagens e os eventos cerca de 7 milhões por ano.

Conforme reportagem publicada em setembro de 2010 no G1  -Turismo religioso estimula economia de mais de 300 cidades do país³ - as principais cidades são Belém, Juazeiro do Norte- CE, Salvador, Cidades Históricas de Minas Gerais, Pirapora do Bom Jesus - SP, Aparecida,Guaratinguetá, Paranaguá, Nova Trento – SC. O destaque fica para Aparecida, no interior do estado de São Paulo. Por ano, a cidade, cuja população fixa chega perto de 37 mil habitantes, recebe cerca de 10 milhões de visitantes.

Nenhum comentário: